Com 364,1 mil veículos, julho bate recorde de vendas de veículos 

Volume é 18,9% superior ao do mesmo mês de 2011

02/08/2012 - 09:19min

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
img22095

Depois de andar de lado durante o primeiro semestre do ano, as vendas de veículos alcançaram novo recorde em julho, com 364,1 mil automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. O volume representa alta de 18,9% sobre o registrado no mesmo mês do ano passado e de 3,1% na comparação com junho. Os dados do Renavam foram divulgados pela Fenabrave, federação dos distribuidores do setor, na quarta-feira, 1º.

A média diária de vendas ficou em torno de 17 mil unidades, assim no mês anterior. O ritmo elevado de emplacamentos é resultado das medidas de incentivo anunciadas pelo governo, que reduziu o IPI no fim de maio e vem incentivando a expansão do crédito deste abril. O mês, no entanto, começou menos aquecido, com redução das vendas na primeira quinzena. Além do ritmo tradicionalmente mais acelerado da segunda metade do mês, julho teve vantagem de dois dias úteis sobre junho.

Até as medidas, o resultado era negativo. Os números atuais mostram a importância da soma de esforços entre governo, iniciativa privada e instituições financeiras”, avalia em comunicado Flávio Meneghetti, presidente da Fenabrave. No acumulado dos primeiros seis meses do ano as vendas somam 2,08 milhões de unidades, com crescimento ainda tímido de 1,8% na comparação com o resultado registrado há um ano.

PROJEÇÃO 2012

A previsão da entidade para o ano é de queda de 0,5% nas vendas sobre 2011, para 3,61 milhões de unidades. A expectativa leva em conta previsões do mercado de crescimento em torno de 2% no PIB do País este ano. A federação dos distribuidores também considera a redução do IPI até 31 de agosto. O resultado pode ser melhor caso o governo prorrogue o incentivo.

Confira o desempenho do mercado por segmento:

Leves

Diante da redução do IPI, as vendas de leves deslancharam 22% em julho em relação ao mesmo mês do ano passado, para 351,4 mil emplacamentos. Na comparação com junho o crescimento foi de 3,1%. Foram vendidos 280,2 mil automóveis, com alta de 2% na comparação mensal e de 25,8% na anual. Os licenciamentos de comerciais leves chegaram a 71,1 mil unidades, com crescimento de 7,7% sobre o mês anterior e de 8,9% sobre o mesmo período de 2011.

Pesados

O segmento ainda enfrenta forte retração apesar das novas condições de financiamento pelo BNDES/Finame, anunciadas em maio. Com 12,7 mil unidades emplacadas no mês, houve crescimento de 1,7% nas vendas em relação a junho e retração de 30,2% na comparação com o resultado de um ano atrás. As vendas de caminhões se mantiveram estáveis na comparação mensal, mas ainda com queda de 31% na anual, para 10,7 mil emplacamentos. Os números são melhores quando considerados chassis de ônibus. Com 2 mil unidades vendidas em julho, houve avanço de 11,3% sobre o mês passado e queda de 25,5% em relação a julho de 2011.

Fonte: Automotivebusiness

Tags:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
*Os comentários dos usuários não representam a opinião da APS Distribuidora, a responsabilidade é integralmente do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Abrir chat
1
Chame no WhatsApp!
Olá 👋
Como podemos ajudar?