IPI de veículos permanecerá reduzido até o fim de 2013 

Medida pretende evitar retração nas vendas

02/04/2013 - 08:23min

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
img23414

O ministério da Fazenda divulgou no sábado, 30, que o Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) para veículos permanecerá reduzido até o fim de 2013. As alíquotas deveriam aumentar na segunda-feira, 1º, cumprindo o cronograma de retomada da cobrança integral do tributo, que seria concluído em julho. Com o anúncio, o governo mantém o tributo no nível atual, em vigor desde janeiro.

A medida, que representa renúncia fiscal de R$ 2,2 bilhões de abril a dezembro, pretende evitar uma ruptura no crescimento das vendas de veículos. Em entrevista ao Jornal Nacional, da Rede Globo, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, destacou que a decisão pretende estimular a indústria automobilística, que “é um dos motores da economia e responde por 25% do PIB industrial do País”. Segundo ele, o incentivo afetará toda a cadeia, incluindo as indústrias de autopeças e de acessórios.

O IPI de veículos não é cobrado integralmente desde maio de 2012, quando a queda nas vendas do setor sensibilizou o governo, que decidiu reduzir a alíquota para incentivar o consumo. Em janeiro deste ano foi feito o primeiro aumento do imposto e é este o tributo que ficará em vigor até o fim do ano. O imposto para automóveis com motor até 1.0, normalmente de 7%, será mantido em 2% até o fim do ano.

No caso dos carros com motor flex 1.0 a 2.0, o tributo ficará em 7%, significativamente abaixo dos 11% do tributo integral. O IPI para automóveis de 1.0 a 2.0 a gasolina continuará em 8%, inferior ao patamar normal de 13%. Para utilitários, a alíquota ficou em 2%, o nível normal é de 8%. Veículos com motores acima de 2 litros continuam com imposto de 25% para modelos a gasolina e de 18% para versões flex.

Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Tags:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
*Os comentários dos usuários não representam a opinião da APS Distribuidora, a responsabilidade é integralmente do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Abrir chat
1
Chame no WhatsApp!
Olá 👋
Como podemos ajudar?