GM terá nova plataforma para carros compactos no Brasil

A General Motors, em parceria com a chinesa SAIC, vai investir 5 milhões de dólares no desenvolvimento de uma nova plataforma para modelos de baixo custo, destinados a mercados emergentes.

14/03/2016 - 17:42min

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
img28397

A General Motors, em parceria com a chinesa SAIC, vai investir 5 milhões de dólares no desenvolvimento de uma nova plataforma para modelos de baixo custo, destinados a mercados emergentes. A nova base, batizada de Projeto GEM (Global Emerging Markets), vai originar carros para substituir os atuais Sonic, Aveo, Classic e Onix/Prisma. A lista deve incluir ainda sucessores para o Agile (ainda à venda na Argentina), Cobalt, Spin e Tracker.

De acordo com um documento do projeto, a GM espera produzir mais de 550 mil veículos por ano com esta nova base apenas na América Latina. Somando a outros continentes, o volume anual passa para 1,8 milhão de carros. “Uma família de carros globais, para substituir o legado múltiplo de diferentes modelos, permitirá melhorar a escalabilidade de produção, fornecedores, marketing e vendas”, diz o documento.

A plataforma GEM vai equipar um hatchback, dois sedãs (sendo um mais espaçoso que o outro), um SUV, uma picape, dois monovolumes (cinco e sete lugares) e um crossover compacto com visual de cupê, todos do segmento de compactos.

img28396

O novo projeto será fabricado em nove plantas, mas ainda está sendo definido se o Brasil será o único fornecedor para o Mercosul, sendo que a unidade de Santa Fe, na Argentina, tem chances de receber parte do investimento. A decisão aguarda o ultimato que a GM deu no mês passado ao governo brasileiro para solucionar sua crise política e econômica.

Os motores e transmissões que vão equipar os novos compactos serão produzidos em seis fábricas. Além disso, os centros de design regionais da General Motors também estão envolvidos em tempo integral a este projeto.

Ainda não se sabe quando os automóveis da GM construídos a partir da nova base chegarão ao mercado, mas estima-se que os modelos não devem ser lançados antes do final de 2017.

[Fonte: Argentina Autoblog]

Tags:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
*Os comentários dos usuários não representam a opinião da APS Distribuidora, a responsabilidade é integralmente do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Abrir chat
1
Chame no WhatsApp!
Olá 👋
Como podemos ajudar?