Internet já muda forma de comprar carros no mundo

Pesquisa relata que montadoras precisam ampliar engajamento digital

27/04/2015 - 21:53min

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
img27413

O setor automotivo vê uma mudança rápida nos hábitos de compra de veículos novos em todo o mundo e cada vez mais as

pessoas tendem a comprar carros pela internet, segundo pesquisa realizada pela Accenture em oito países, com mais de 10 mil consumidores, sendo mil deles no Brasil. Os resultados do estudo apontam que é necessário que as montadoras e revendedoras ampliem o engajamento virtual.

Hoje, mais da metade dos consumidores ouvidos no mundo inteiro já inicia o processo de compra de carro virtualmente, incluindo consulta a redes sociais, muito antes de entrar nas concessionárias. Oito mil das 10 mil pessoas ouvidas afirmaram já utilizar alguma forma de tecnologia digital para pesquisar carros, fazer comparativos e testes entre os modelos.

Para 75% das pessoas entrevistadas, todo o ciclo de compra de um automóvel seria realizado pela internet, se fosse possível, incluindo financiamento, negociação de preços, processos administrativos e até entrega em domicílio. Dois terços afirmaram já terem comprado ou considerado comprar um carro por meios on-line, sendo que no Brasil esse número chega a 81%.

Segundo a Accenture, mais de 50% das pessoas criticaram o modo como as montadoras realizam a interação on-line com os consumidores e apontaram a necessidade de ampliação do engajamento virtual, para a pesquisa por um novo veículo se tornar mais fácil, com informações personalizadas. O processo de pós-venda e a disponibilidade de opções de preços via plataforma on-line são os pontos mais fracos da experiência de compra digital de veículos, sendo que 37% dos entrevistados (36% no Brasil) acreditam que estas áreas precisam ser melhoradas.

Para 37% dos japoneses e 23% dos franceses, o processo tradicional de compra, com visitas às concessionárias, não será rompido pelos canais digitais. Os italianos são os mais inclinados a visitar uma loja ao invés de usar meios digitais e os motoristas do Japão são os mais propensos a comprar um carro sem fazer qualquer pesquisa on-line. Carlos Pedranzini, líder da Accenture para a indústria automobilística na América Latina, acredita que a experiência tradicional de compra de carros será rompida pelo cliente digital. “Isso encontra-se claramente apoiado no fato de que muitos consideram efetuar todo o processo de compra de um veículo on-line. Montadoras terão de adotar uma estratégia digital agressiva no showroom e no pós-venda”, prevê o executivo, que vê na presença multicanal um aumentando de rentabilidade para as fabricantes.

Fonte: Automotive Business

Tags:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
*Os comentários dos usuários não representam a opinião da APS Distribuidora, a responsabilidade é integralmente do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Abrir chat
1
Chame no WhatsApp!
Olá 👋
Como podemos ajudar?