Hyundai ix35: Histórico e vendas desde 2010 do SUV no Brasil

28/02/2022 - 07:56min

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

Aproveitando o sucesso do Tucson, a Hyundai (sob a gestão da Caoa) apresentou em 2010 o ix35, que no exterior é a segunda geração do SUV. Com emplacamentos começando em junho de 2010, mas com vendas em volume a partir de setembro daquele ano, trouxe um visual totalmente diferente do Tucson, que já estava na lojas há alguns anos.

O Hyundai ix35 inicialmente foi importado da Coréia do Sul, enquanto o Tucson já era produzido em Anápolis (GO). Algumas unidades chegaram com o motor 2.4 aspirado de 180 cv e 23,1 kgfm de torque com transmissão automática de 6 marchas e tração integral, mesma transmissão que estava disponível com o motor 2.0 de 168 cv e 20,1 kgfm de torque. Este também estava disponível com a transmissão manual de 5 marchas e automática de 6 marchas e tração apenas dianteira.

Em 2012, ainda importado, o ix35 recebe o motor 2.0 flex, com 169/178 cv e 20/21,4 kgfm de torque, com transmissão manual de 6 marchas ou automática. Em setembro de 2013, a Caoa oficializou a produção do SUV na planta de Goiás, onde seguiu até o fim do ano passado, quando deixou de ser produzido. Curiosamente, o ix35 foi produzido ao lado do Tucson de primeira geração até 2018 e, ao lado de ambos, a terceira geração já com motorização 1.6 turbo.

Uma reestilização e só

Em 2015, como linha 2016, o Hyundai ix35 recebeu sua única reestilização em todos esses anos. A reestilização já era conhecida no exterior desde 2013 e, por lá, o Tucson já aparecia na terceira geração. Para nós, o ix35 recebeu mudanças nos parachoques, faróis e lanternas – e uma cor laranja nada discreta para uma série de lançamento.

Em 2014, o Hyundai ix35 chegou ao seu topo de vendas, com 15.315 unidades emplacadas e foi o 4º mais vendido entre os SUVs – que eram basicamente Ford EcoSport, Renault Duster, Hyundai Tucson e ele no topo. Em 2015, emplacou 14.729 unidades, mas o segmento já tinha a companhia do Honda HR-V e Jeep Renegade, e o ix35 ultrapassou o Tucson.

Em 2016, outros SUVs aparecem entre os compactos e o Jeep Compass começa a ser produzido no Brasil. A novidade acaba “apagando” o ix35 entre os médios, que já vê uma queda considerável em vendas, com 10.226 unidades, seu melhor resultado até o fim de sua produção. Em 2016 também começa a ser produzida no Brasil a terceira geração do Tucson, com motor 1.6 turbo e que também colabora para a baixa do ix35 dali em diante. Veja os emplacamentos de 2010 a 2021 – em 2022, nenhuma unidade foi emplacada em janeiro.

ANO EMPLACAMENTOS
2010 (a partir de junho) 6.797
2011 13.619
2012 11.027
2013 10.368
2014 15.315
2015 14.729
2016 10.226
2017 10.254
2018 8.525
2019 5.786
2020 2.583
2021 2.597

Tags:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
*Os comentários dos usuários não representam a opinião da APS Distribuidora, a responsabilidade é integralmente do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Abrir chat
1
Chame no WhatsApp!
Olá 👋
Como podemos ajudar?