Venda de usados tende a crescer no Brasil 

Dekra avalia que tendência global será acompanhada pelo mercado brasileiro

10/03/2014 - 17:41min

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
img25327

O mercado de veículos usados deve ganhar força no Brasil nos próximos anos. Para a alemã Dekra, a desaceleração da economia, a dificuldade de acesso ao crédito e a retomada gradual da alíquota do IPI estão entre os fatores que impulsionarão este movimento. A empresa aponta que, em 2013, enquanto as vendas de veículos leves zero-quilômetro diminuíram 1,6%, as de usados aceleraram 4,7%. Cerca de 70% do total negociado tinham mais de cinco anos de uso.

O levantamento de mercado de usados da Fenabrave, a associação dos concessionários, confirma o aquecimento do segmento após anos de crescimento robusto da demanda por novos. Em janeiro deste ano, para cada carro zero emplacado, foram negociados 2,7 usados. O número mostra expansão sobre igual período de 2013, quando a relação era de 2,5 para um. Em janeiro de 2012, a proporção era de apenas dois para um.

A Dekra aponta que o fortalecimento das vendas de seminovos é verificado globalmente. Nos principais mercados europeus – Alemanha, Bélgica, Itália, França, Portugal, Espanha e Reino Unido – houve alta de 3% nos negócios do segmento entre 2008 e 2012, enquanto o licenciamento de novos diminuiu 15%.

Diante desse movimento, a Dekra enfatiza a necessidade de as concessionárias profissionalizarem a gestão do negócio de veículos usados. Segundo a empresa, especializada em vistorias, ao fortalecer a atuação no segmento as distribuidoras atendem à demanda atual e ficam prontas para aproveitar oportunidades no futuro.

Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Tags:

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
*Os comentários dos usuários não representam a opinião da APS Distribuidora, a responsabilidade é integralmente do autor da mensagem.

Deixe um comentário

Abrir chat
1
Chame no WhatsApp!
Olá 👋
Como podemos ajudar?